Bombeiros de São Mateus e Canoinhas realizam buscas a homem vítima de afogamento no Rio Iguaçu

Bombeiros de São Mateus e Canoinhas realizam buscas a homem vítima de afogamento no Rio Iguaçu

Outubro 11, 2021 0 Por ClicSulNews

As buscas por um pescador desaparecido nas águas do rio Iguaçu no Distrito de Felipe Schmidt em Canoinhas, foram encerradas hoje às 18h00 deste domingo sem sucesso.

Na manhã de hoje segunda-feira foi empregada no local uma equipe de busca composta por 04 bombeiros militares/comunitários do CBMSC, 08 militares da Marinha do Brasil, e 03 bombeiros militares   CBMPR (OBM de São Mateus do Sul).

A equipe de São Mateus do Sul saiu às 06h30 da manhã para o local e iniciar juntamente com as outras equipes as buscas.

Recursos logísticos: 02 embarcações do CBMSC, 01 embarcação da MB, um jet ski da MB e uma embarcação do CBMPR.

O fato do afogamento foi registrado as 17h12 da sexta-feira dia 08, após acionamento da central de operações (Cobom), as equipes deslocaram as guarnições das viaturas, auto socorro de urgência ASU-383 e a viatura auto socorro de urgência ASU-388, com engate de carretinha e uma embarcação de alumínio com plataforma, até o Distrito de Felipe Schmidt interior de Canoinhas, às margens do Rio Iguaçu, para realizar as buscas de um masculino que possivelmente teria de caído de uma embarcação (bote de madeira) e submergido.

No local foram realizadas buscas superficiais com a embarcação de alumínio do CBMSC, com a utilização de materiais e equipamentos específicos para buscas subaquáticas.

As buscas permaneceram até o anoitecer, porém, sem sucesso.

Em contato com familiares obteve-se a informação de que o desaparecido tratava-se de masculino de 58 anos de idade, que havia saído por volta das 16h00 de sua residência para pescar no rio; e que a embarcação dele (bote), após algum tempo, foi avistada por populares, porém ele não estava no bote.

Nas proximidades do local, foi encontrada apenas a bicicleta do desaparecido e alguns pertences de pesca na embarcação. Ainda, segundo familiares, o masculino desaparecido conhecia o local, era operador da balsa que encontra-se desativada, e possuía histórico de crise de epilepsia (crise que provoca a perda de controle muscular).